quinta-feira, 12 de maio de 2011

Curiosidades sobre Nutrição


A doença celíaca é a intolerância permanente ao glúten, uma proteína encontrada em alimentos como o trigo , centeio, aveia e cevada.
O óleo essencial da canela é cheio de componentes que estimulam a produção de suco gástrico , o que facilita a digestão.
Pesquisadores da Universidade de Toronto, no Canadá, provaram que alimentos com soja diminuem o risco de doenças coronárias. Pois reduzem os níveis de colesterol ruim.
O agrião é capaz de diluir o muco que se acumula nas vias aéreas durante a infecção respiratória.
A carne de galinha, quando cozida, libera um aminoácido chamado ciste?na. Esse composto age descongestionando os pulmões.
A maneira mais saudável de comer alho é também a menos agradável para alguns: "Ele deve ser ingerido cru ou em forma de óleo encapsulado.
Quando comemos iogurte, os bichinho incluídos em sua composição começam a luta por nutrientes e espaço. Em meio a essa batalha, eles criam um meio ácido desfavorÁvel para os bactérias maléficas, que acabam morrendo.
As fibras do farelo de trigo podem reduzir o câncer de mama. "Ao absorver o excesso de estrôgeno, hormônio responsável pela proliferação das céulas mamárias, tanto as boas quanto as doentes, elas impedem o crescimento do tumor.
O repolho possui muito amido, substância que pode ser fermentada pelas bactérias do intestino.
O suco de maçã reduz as chances de o colesterol se depositar nos vasos.
A água de coco é uma boa fonte de potássio, contém sódio , magnésio, cálcio, Fósforo e é isenta de lipídios e protídios. Hipocalórica (18 cal / 100 ml ), possui glicídios redutores de glicose e sacarose. Sua composição varia de acordo com a maturação do coco.
A vitamina A é essencial contra doenças de pele, infecções infantis e distúrbios digestivos. É ótima aliada no tratamento de colite e doença de Crohn. Um estudo de Harvard mostra que homens que consomem altas doses de vitamina A têm risco 54% menor de Ter úlcera do que aqueles com nível mais baixo. A recomendação diária é de cinco mil UI. As melhores fontes são óleo de fígado de bacalhau e fgado, manteiga , gema e leite integral.
Está provado que, se você comer 5 porções de vegetais por dia - legumes, verduras ou frutas -, o risco de ter qualquer tipo de câncer diminui cerca de 28 vezes.
Quando sentir o estômago ardendo, experimente comer arroz e feijão no almoço. Ao contrário de piorar a azia, como algumas pessoas imaginam, a dupla tem muito amido, que neutraliza a acidez estomacal.
Pesquisas realizadas no Hospital do Coração, em São Paulo, indicam que a maçã tem sunstâncias que dificultam a formação de placas de gordura nas artérias. Para se beneficiar dessa propriedade, tente tomar o seu suco ou comê-la 3 vezes por semana.
Engana-se quem imagina que o leite é um santo remédio contra crises de úlcera. Estudos americanos mostram que é transitório. Após 20 minutos de alívio, o leite tende a aumentar ainda mais a concentração de ácido no estômago.
O palmito é rico em fibras e potássio, um mineral amigo do coração. Como possui baixo teor de açucares é um alimento perfeito para diabéticos.
Estudos Americanos comprovaram que a proteína da soja atua no organismo sobre o mau colesterol ( LDL) sendo possível reduzi-lo em 33 % com apenas 50g diárias de soja.
O guaraná é um estimulante do sistema nervoso central e como tal, deve ser utilizado com moderação. O excesso pode causar problemas gástricos (desencadear gastrite) e cardíacos (provocar taquicardia).
Pesquisas realizadas na Itália, comprovam cientificamente que comer couve manteiga com regularidade ajuda na cicatrização de úlceras e gastrites.
A canela é rica em minerais como cálcio, fósforo e ferro e pode ajudar no tratamento de hemorragias, tosse, febre, gripe, problemas digestivos e estomacais.
De acordo com uma pesquisa realizada na Universidade de Antuérpia, Bélgica, indivíduos muito deprimidos tem baixos níveis da substância ômega 3 no organismo. Trata-se de uma gordura presente em certos peixes como o salmão, o atum e a sardinha.
A cenoura é rica em betacaroteno, uma molécula capaz de se transformar em vitamina A no organismo sempre que ele precisar. É uma vantagem porque o excesso da vitamina pode ser nocivo, enquanto o betacaroteno em si não faz mal algum. Ele garante uma boa visão e a integridade da pele.
Ao ingerir brócolis, procure sempre adicionar algum tipo de gordura, como por exemplo azeite virgem de oliva ou um pouco de margarina. Brócolis são uma fonte rica de betacaroteno, um dos mais importantes antioxidantes. Mas o betacaroteno é lipossolúvel, o que quer dizer, que necessita da molécula de gordura para que possa atravessar a parede intestinal e ser absorvido por nosso organismo.
Nutricionistas da Universidade Estadual de Nova York, garantem que cerca de 40% dos pacientes com inflamações de gengivas fazem uma higiene adequada da boca, mas tem deficiência de vitamina C e cálcio na dieta.
Cada vez que você morde uma maçã, está ajudando os seus olhos a se proteger contra a catarata. Segundo o Bioquímico da Universidade de Paris a quercetina encontrada na maçã, mantêm a lente do cristalino transparente, mesmo quando submetida a raios solares e produtos químicos que costumam detonar a catarata.
Um dos erros comuns de quem está tentando emagrecer é retirar toda a gordura e carboidrato do dia-a-dia. Isso compromete o balanço nutricional da dieta e dificulta a perda de peso. O ideal é ir fazendo pequenas alterações nas refeições até conseguir mudar de vez os hábitos e assim completar sua redução alimentar.
ômega 3, ácido graxo ou gordura boa, segundo o Instituto Nacional de Saúde Americano, encontrado no bacalhau, salmão e linguado, aumenta a produção da colina e serina, dois neurotransmissores do cérebro que atuam no humor, na percepção e no aprendizado das pessoas.
A banana também tem sido recomendada para pessoas que sofrem de depressão, pois também aumenta os níveis de serotonina nas conexções entre os neurônios - células do sistema nervoso.
A obesidade já se tornou uma epidemia no Terceiro Mundo, pelas mudanças de hábitos alimentares das populações, isso sem falar que ela já afeta a maioria dos habitantes dos Estados Unidos.
O tradicional copo de leite tomado antes de dormir tem razíes muito maiores do que a tradição. Recentes pesquisas revelaram que o leite possui características muito semelhantes ás de algumas substâncias químicas calmantes produzidas pelo cérebro.
Para melhor aproveitamento do ferro é importante que alimentos ricos nesse mineral sejam consumidos juntamente com alimentos ricos em vitamina C.
O corpo humano contêm cerca de 1200g de cálcio, dos quais 99% estão nos ossos. O restante encontra-se no sangue, participando da excitabilidade nervosa, da contração muscular e da coagulação. Leite, queijo, iogurte e vegetais verdes são boas fontes de cálcio. Enquanto crianças de 1 a 10 anos necessitam de 800 mg por dia, adultos precisam de 1200 mg (o correspondente a 3 copos de leite ou 2 pots de iogurte ou 2 fatias de queijo-minas fresco).
Procure ingerir, com regularidade, frutas e legumes de coloração vermelha ou avermelhada como o tomate e a melancia. Estes alimentos são ricos em uma substancia chamada "lycopene" (um tipo de carotenóide) que diminui significativamente a incidência de câncer, em especial, o câncer de próstata.
Aumente a quantidade de fibras de sua alimentação. Sabe-se que a ingestão de fibras nos protege contra câncer de cólon (intestino), além de baixar a taxa de colesterol total.
Dê preferência ao uso de azeite virgem de oliva ao invés de óleo de cozinhar. O azeite virgem de oliva (por exemplo os de origem italiana que são vendidos em garrafa) são ricos em DHL - Colesterol, que é o colesterol chamado "bom", porque nos protege contra a arteriosclerose.


4 comentários:

  1. meninaaa
    tanta coisa que eu não sabia , adorei o post
    bjim

    ResponderExcluir
  2. Caramba! Tem um montão de coisa ai que eu nem fazia ideia!!

    ResponderExcluir

Obrigada por sua amizade!!